Vestindo kdramas em quatro estilos

Fotor01028132345

 

Quem assisti dramas ou novelas coreanas sabe que eles nunca pecam na qualidade, o que inclui, obviamente, todo um cuidado em especial com o figurino, pois nada melhor do que define um personagem do que ver aquilo que ele veste. Hoje eu trago quatro estilos muito bem retratados pelos kdramas e que além de lindos, dão vontade de ter o mesmo guarda-roupas das mulheres que as vestem!

 

Lee Kyu Won (Park Shin Hye) em Heartstring

 

estilo park shin hye

Esse drama foi muito feliz com a escolha da cartela de peças da Kyu Won, como já disse nesse post eu simplesmente amei cada peça e deu vontade na hora de ter várias saias longa ou mind pra chamar de minha!

Reparem que é um estilo bem casual, um boho bem sutil, super confortável e bem feminino. No drama, a maior parte das cenas se passa na escola de música que os protagonistas frequentam, o que em tese, permite uma maior liberdade e menos rigor na vestimenta, daí a personagem abusa em misturar as saias longas com camisetas de estampas, vestidos rodados com mochilas, rasteiras e cardigans, ou seja apesar do estilo arrumadinho e bem feminino ela não se limita às demais peças.

A cartela de cores predomina os tons pasteis, mas os detalhes ficam por conta de cores mais quentes das bolsas ou das saias

Fotor01028150355

Se você gostou do estilo da Kyu Won invista em saias longas, tecidos fluidos, blusas soltinhas, mas não esqueça dos acessórios que ajudam a compor o visual, como cintinhos, jogo de pulseiras, colares e correntinhas delicadas fazem toda a diferença. Reparem que outra coisa importante na composição da personagem é o conforto que as peças proporcionam, transmitem a sensação de leveza, mas sem perder a feminilidade. Bonita e confortável, que coisa melhor?

Tae Gong Sil (Gong Hyo Jin) em Master’s Sun

 

Fotor01028142924

 

Bem diferente do estilo da Kyu Won, temos a pegada mais rocker da Gong Sil. Em Master’s Sun, Gong Sil é uma mulher atormentada por espíritos moribundos que não a deixam em paz, mas não é por isso que ela não teria um estilo bem seu, composto por muito jeans e t-shirt, e igualmente confortáveis como o visual anterior.

Apesar num primeiro momento parecer um tanto desleixado (sendo essa a intenção), vemos nos detalhes o cuidado para uma composição coerente entre si, por exemplo, unhas de preto, uma composição de anéis em prata, cruzes, sandálias rasteiras e bolsas sacolas ajudam a estabelecer a personagem, fugindo do lugar comum, pois há uma mistura com outras peças que ajudam atirar aquele há de óbvio das roupas (do tipo, quero parecer roqueira, me vestir assim), usando com as peças mais clássicas vestidinhos, saias e batas.

Fotor0102813567

Para adotar esse guada-roupa aposte em jeans de diferentes lavagens combinando com peças bem confortáveis como essa sandália rasteira, t-shirts, e não economize nos acessórios que fazem a diferença nesse look bem casual, como anéis, cordões, braceletes etc..

Oh Ha Ni ( Jung So Min ) em Playful Kiss

Fotor0102815477

 

De cara é um estilo bem marcante. Pretty, candy, vintage, Hani passeia a vontade por todas essas referências e não é de menos, a composição é proposital no sentido de dar esse ar doce na personagem (que, aliás, amo de paixão, tanto que ela é o tema do blog ^^, já repararam no cabeçalho? é a Ha Ni na sua versão japonesa como comentei aqui)

Apesar dos looks acima serem composições invernais, no drama vemos também shorts, blusas, minissaias, ou seja, o estilo é para qualquer estação, basta apostar em cintura marcada, tecidos com estampas fofas, e muitas saias rodadas que não tem erro.

 

Fotor01028154249

 

Os acessórios também ajudam a montar esse visual, gola peter pan, sapatos oxford, laços. Apesar de no drama isso ajudar no conceito “infantil” da personagem, acho lindo, ela é bem feminina e não esconde isso, o que é meio raro hoje em dia, onde as mulheres estão cada vez mais sendo obrigadas a serem iguais ao homens em todos os aspectos.

Cheon Song Yi (Gianna Jun) em My Love From the Star

Fotor0102903354

Song Yi é daquelas mulheres poderosas, glamourosas e deslumbrantes e ela sabe disso! O seu guarda-roupa transmite isso e ela usa suas roupas para mostrar a mulher que é. Aqui há uma obvia preocupação em passar uma imagem de mulher bem vestida, afinal trata-se de uma atriz que vive na mídia.

Sofisticada, em um primeiro momento podemos achar que se trata de uma fashionista,  mas na verdade, com um olhar mais atento, vemos que ela é clássica e que sabe adaptar o melhor das tendências para o seu dia-a-dia (de atriz, perseguida por um psicopata e namorada de um et, é claro). Assim, temos o blazer em corte reto, porém colorido, pantalonas, saias lápis, scarpins que  juntos passam esse ar de “acabei de sair da passarela”.

Fotor010292046

Para ter esse visual acredito que não é necessário ter marcas como Channel ou Lavin ou Hermes consigo, é preciso sim, ter peças com qualidades (que obviamente custam um pouquinho a mais), mas que, sobretudo, sejam atemporais, clássicas como uma blusa social branca, uma calça de alfaiataria, um bom scarpin, usando, mesmo sem mais acessórios, você terá o charme de estar bem vestida!

***

Então é isso gente, adoro a moda dos kdramas e sempre fico querendo ter as peças que eles mostram por lá, eu, particularmente, tenho a tendência de ficar naquele basicão: jeans+blusa+sapatilha, acaba que assim, minhas peças sempre são parecidas, o que dá aquela sensação de “não tenho o que vestir”. Então, na medida do possível, tento me colocar para variar um pouquinho, comprando uma blusa com um corte diferente, um vestido, usar mais sandálias e acessórios e ficar de olhos nos dramas coreanos sempre me inspiram!

Espero que tenham gostado

Beijocas!

 

Anúncios

Heartstrings (2011)

Doce, doce, doce.

É a palavra que pode definir esse drama de 2011, exibido pela MBC e com Park Shin Hye e Jung Yong Hwa no elenco.

O drama conta a história de Lee Kyo Won, uma garota que estuda música tradicional coreana e mora com um avó que além de ser um grande nome da música clássica do país é muito severo com a neta e não deixa que nada a desvie dos estudos. Na mesma escola Kyo Won, existe um outro seguimento de música muito mais badalado, música moderna, seus principais alunos são os componentes da banda ‘Stupid’, cujo vocalista, Lee Shin, é o disputadíssimo, porém distante e frio líder.

Então, já viu né?! rola um conflito de personalidades entre esses dois, o que consequentemente vai dá em amor. Mas até lá, muita briga e muita música rola em Heartstring.

É um drama bem simples, ao extremo até. Tem todos os clichês possíveis e a história é bem previsível, mas é justamente isso que torna esse drama tão charmoso de assistir.

Park Shin Hye

Tá super linda nesse drama. Foi meu segundo drama com ela,  e apesar da minha birrinha com a atriz (não caiu de amores por ela), foi a atuação que eu mais gostei! Adorei o cabelo e o figurino, tanto que dá até vontade de imitar!

 

Jung Yong Hwa

O outro drama que eu assistir dele foi You’re Beautiful Future Choice, Hearststring se encontra bem no meio das duas outras e continuo vendo o quão mal ator ele é! Sério, eu fico pensando o que levam esses produtores a escolherem tão mal assim. Na minha lista de idols kpop que atuam, só não perde da Jessica, Girls Generation, então vocês podem ver o quão ruim ele é. Mas isso não afeta o drama de maneira geral por quer ele também é bem fácil. O papel não exige muito, ele faz aquele típico garoto que não se interessa muito pelo meio em que vive. Apesar disso, ele é muito popular e faz as garotas caírem de amor por ele. No começo, ele tem uma paixonite por uma mulher mais velha, professora de dança da escola de artes, mas o relacionamento não anda.

Além desses dois, o drama contém personagens bem legais. O avô da Kyo Won é um desses, vivia atrapalhando os relacionamentos da garota e isso rendia boas risadas, tinha tudo para ser o vilão da história, mas acho que os produtores mudaram de ideia na última hora e ele acabou se transformando em personagem fofo.

Outra participação maravilinda foi a do Kang Min Hyuk, baterista da Banda CN Blue e que também fez o papel de baterista na banda ‘stupid’. Apesar de ser um papel secundário, na minha opinião, roubou a maioria das cenas de tão fofo que era!

Também tinha o diretor de musical que a principio eu achei que iria disputar romance com a Kyo Won, pena que não teve proseguimento, achei bem melhor esses dois juntos do que ela com Yong Hwa.

Ademais, teve as amigas fofas da protagonista, teve a chatinha que atrapalhar o casal principal. Teve uma histórinha paralela sobre superação, medo do palco etc.

Enfim, é um drama fácil de ser entendido e tá mais para malhação do que qualquer outra coisa (em nível bem mais alto, claro, estamos falando de Coreia :P). E uma das minhas principais motivações para assisti-lo foi que eu queria ver Park Shin Hye com Yong Hwa em drama juntos, pois desde You´re beautiful que eu torcia por eles, a principio resistir muito (pelas sinopses que eu lia por ai eu pensava que era um drama musical, e eu geralmente não gosto de dramas musicais), mas no final acabei gostando mais do que esperava, o romance dos dois era recheado de cenas lindíssimas, frases fofas, beijinhos de olhos abertos, carregamento nas costas, na garupa da bicicleta e outras coisas que me fizeram vomitar arco-iris ao assistir!

Conclusão: Mais doce que mamão com açúcar!

Nota: 8, uma nota regular.

Observação: Uma coisa que esse drama deixou pra mim foi o fato dessa música me fazer conhecer e hoje, ser fã do CNBlue!